O Desgaste da Incerteza

Revista Saúde – Ed. 307 – Na íntegra

Quando a gente fica à espera de uma resposta decisiva, não importa a situação, a ansiedade vai às alturas. O desfecho, positivo ou negativo, vem sempre acompanhado daquele baita alívio. É o que acaba de confirmar um estudo da Universidade de Toronto, no Canadá.

“Por pior que seja a resolução do dilema, ela é sempre melhor do que a incerteza, porque permite que o indivíduo se prepare para reagir”, justifica a Saúde! o autor da pesquisa, Jacob Hirsch. “Durante o período da dúvida, nunca sabemos o que nos aguarda e quão ruim pode ser determinado acontecimento”, completa.

Hirsch e sua equipe analisaram a atividade cerebral de voluntários enquanto eram submetidos a testes nos quais recebiam respostas positivas, negativas ou incertas. “No último caso, houve maior ativação do sistema nervoso simpático, ligado ao estresse e à ansiedade”, revela o pesquisador.

Para driblar a angústia no talvez, o pesquisador Jacob Hirsch, ensina algumas maneiras de aplacar a aflição da espera

* Em momentos de grande expectativa, vá atrás do conselho de amigos e de pessoas em quem confia. Isso ajuda a reduzir a exaustão psicológica.

* Tente relaxar e não sofra por antecipação. Nem sempre é possível controlar tudo.

* Prepare-se para o futuro considerando todas as possibilidades para determinada situação.

* Caso esteja muito aflito com a espera, procure conversar de uma vez com quem lhe deve uma resposta.

Por Adriana Toledo

Como sempre digo aos meus clientes: temos que dar conta de um dia de cada vez! =) Tati

22 de agosto de 2019
21 de agosto de 2019

Nenhum Comentário

Deixe um comentário.